Candidato defende a criação de grupo especial de trabalho para regularização fundiária de Palmas

Nos acompanhe em tempo real:
Compartilhe nas redes sociais:
19/10/2020 10h20
0 Comentários

O candidato a vereador em Palmas, Júnior do Cartório (SD), pretende criar um grupo especial de trabalho com o objetivo de promover a regularização fundiária, com atenção diferenciada às Zonas Especiais de Interesse Social (ZEIS). “As ZEIS são áreas de assentamentos habitacionais de população de baixa renda, já existentes ou criadas pelo poder público, onde há possibilidade de urbanização e regularização fundiária”, define Júnior do Cartório.

Ele explica que essas áreas têm uma grande importância para a população de baixa renda, porque aumenta a oferta de terrenos para habitação a baixo custo, além de ser um instrumento de urbanização ordenada das cidades. O candidato explica também que quando essas áreas não são regularizadas, como no caso de vários loteamentos e ocupações de Palmas, elas acabam se tornando fontes geradoras de graves problemas, que podem refletir em toda a cidade.

“Para que um bairro, quadra ou loteamento receba os serviços públicos aos quais todos os cidadãos têm direito é necessário que seja regularizado, documento e que as pessoas tenham a posse oficial de seus imóveis, caso contrário essas pessoas deixam de ter acesso a serviços essenciais, dentre os quais instalação de rede de água e esgoto e coleta de lixo”, ilustra Júnior do Cartório.

De acordo com o candidato, Palmas ainda possui um grande déficit habitacional, que poderia ser reduzido com a destinação de novas áreas para ZEIS. Mas ele defende que isso precisa ser feito concomitantemente ao processo de regularização das que já estão habitadas. “Temos loteamentos privados e públicos em Palmas que são habitados por centenas de famílias, que vivem sem atenção do poder público e também não podem ter acesso a outros tipos de serviços por falta de documentação do imóvel onde residem”, informa Júnior do Cartório.

Ele finaliza dizendo que a questão das ZEIS é apenas uma das pontas soltas na questão fundiária de Palmas. Ele diz também que regularizar todas as áreas urbanas e rurais de Palmas não é difícil, mas é muito trabalhoso, por isso tanto a Prefeitura quanto a Câmara de Vereadores fingem que o problema não existe. “A questão fundiária de Palmas, que de um jeito ou de outro, atinge a todos nós, cidadãos palmenses, é minha prioridade e vou garantir que seja prioridade para a gestão municipal também”, conclui o candidato.

O grupo especial de trabalho defendido pelo candidato será formado por representantes do poder público, universidades, Conselho de Arquitetura e Urbanismo e representantes da sociedade civil.

Perfil

Nascido na cidade de Canto do Buriti, Júnior do Cartório cresceu em Floriano, ambas no Piauí. De uma família com 28 irmãos, Júnior foi o escolhido para herdar o nome de seu pai. Alguns o chamam simplesmente de Junior, mas a maioria o conhece como Júnior do Cartório, pelo fato de ter trabalhado durante quase duas décadas em um cartório de Palmas.

Ele ocupou outras funções em órgãos públicos, como o Tribunal de Justiça, e também atua como empresário. Mas, foi no cartório que, lidando diretamente com o público, Júnior se descobriu com muita facilidade em demonstrar empatia pelas pessoas que o procuravam para resolver qualquer tipo de problema. “Descobri que era um excelente ouvinte, que inspirava confiança nas pessoas, que muitas vezes me procuravam apenas para contar seus problemas e pedir conselhos. E isso acontece até hoje”, revela o pré-candidato.

Casado e pai de três filhas, Júnior do Cartório explica que resolveu se candidatar porque cansou de eleger pessoas que não tinham compromisso verdadeiro com as pessoas ou com a cidade. “Conheço cada problema de Palmas e tenho uma vontade e disposição para buscar a solução para cada um deles, por isso resolvi aceitar o desafio de me candidatar a uma vaga na Câmara de Vereadores”, finaliza.

 

Texto:
Gostou?
  • (0)
  • (0)
Compartilhe:

0 Comentários

Nome:
E-mail:
Comentário:
Caracteres restantes: 700
 
  • Nenhum comentário publicado.