Feira de Adoção diminui números de animais que sofrem de abandono e fome

Nos acompanhe em tempo real:
Compartilhe nas redes sociais:
01/04/2019 22h21
0 Comentários

No dia 6 de abril, a partir das 9h, acontece na Clínica Veterinária e Pet shop Medicão, localizada na quadra 103 sul, Avenida JK saída pra Paraíso, uma feira de adoção.

O objetivo do evento é dar um lar para cães e gatos resgatados pelos grupos de proteção de animais participantes do evento e animais que não puderam morar mais com os donos devido a proibição em um condomínio de Palmas. Com a medida, moradores tiveram que deixar os animais que criaram por anos na casa de familiares ou entregues a adoção.

Para a empresária e protetora independente, Lilian Castilho a adoção é a única forma de diminuir os números de animais que sofrem de abandono e fome. “Sem falar que a adoção acaba por amenizar o comércio de animais de raça, atividade que tem se mostrado na maioria das vezes muito cruel com as matrizes”, explica.

Lilian Castilho é uma das protetoras responsáveis pelos animais e hoje cuida de cerca de 30 gatos e 19 cães e conta como começou esse trabalho.  “Em julho do ano passado, uma comunidade que morava em frente à minha mudou-se para um condomínio de prédios aqui próximo, e resolveram em reunião que não poderiam levar animais para lá. Soube através do grupo da quadra que os animais abandonados estavam revirando os lixos, comprei ração de gato e fui alimenta-los, nos entulhos dos barracos e após isso os meus cuidados com os animais começaram de forma mais intensa. Em dezembro de 2018, uma pessoa nos ofereceu uma casa temporariamente de 2 lotes na quadra 110 sul para abrigar esse animais e pelo menos enquanto não são adotados eles têm um lar”, explica. 

Muitos desses animais foram castrados na Unidade de Vigilância e Controle de Zoonoses -UVCZ (antigo CCZ), através da parceria firmada com os grupos de Proteção Casa de Lázaro e Patinhas de Palmas, outros serão pelo médico veterinário Espedito Lima da Medicão, parceiro do evento. 

Parcerias

A feira de adoção tem a parceria das associações Resgata Palmas, Projeto Vira Lata, AuseMiaus, MaryCats Palmas, Patinha de Palmas,  Casa de Lázaro como também do Movimento de Integração de Animais a um Lar – Miaul.  Esta é a segunda edição da feira de adoção e na anterior, que ocorreu em agosto do ano passado, 18 animais em situação de abandono conseguiram um lar. 

Adoção

Quem se interessar em adotar um animal, deve ser maior de 18 anos, estar de posse dos documentos pessoais com foto e comprovante de endereço, passar pela triagem com a equipe de protetores, preencher e assinar o termo de posse responsável além de garantir a vacinação do animal no ato da adoção.

 

 
 

 

Texto:
Gostou?
  • (0)
  • (0)
Compartilhe:

0 Comentários

Nome:
E-mail:
Comentário:
Caracteres restantes: 700
 
  • Nenhum comentário publicado.